Quatro novas propostas de políticas aprovadas pela comunidade de LACNIC

29/06/2017

Quatro propostas sobre mudanças nas políticas da administração dos recursos da Internet na América Latina e o Caribe atingiram consenso entre os atores da comunidade de LACNIC durante o Fórum Público de Políticas de LACNIC realizado em Foz do Iguaçu.

As quatro propostas estão na fase de últimos comentários antes de sua ratificação na Diretoria de LACNIC.

O Fórum Público de Políticas é por antonomásia o espaço de debate onde são apresentadas, discutidas e aprovadas propostas sobre as regras ou políticas a serem aplicadas na região da América Latina e o Caribe em relação à administração dos recursos de numeração da Internet.

Das sete propostas discutidas em Foz, quatro alcançaram consenso da comunidade regional de LACNIC.

A primeira que atingiu consenso foi a política referida à modificação do tamanho de alocação inicial do IPv6, apresentada por Jordi Palet Martinez. Esta política modifica as regras atuais para que aquelas organizações que puderem qualificar para uma alocação inicial maior a /32, recebam os endereços entregando a documentação que justifique o pedido. (https://politicas.lacnic.net/politicas/detail/id/LAC-2016-7?language=pt).

A segunda política com consenso pela comunidade de LACNIC na reunião de Foz foi a retificação do tamanho de alocação inicial, também apresentada por Jordi Palet Martinez. A nova política -que entrará em vigor uma vez ratificada pela Diretoria de LACNIC- exprime que se uma organização recebeu um bloco IPv6 como alocação inicial, e quando começa a usar os endereços e fazer seu plano de endereçamento percebe que necessita um bloco maior ao designado inicialmente, pode pedir a LACNIC um bloco maior sem necessidade de demonstrar limiares de utilização. (https://politicas.lacnic.net/politicas/detail/id/LAC-2017-1?language=pt).

A terceira política que obteve amplo apoio foi a modificação do tamanho mínimo de alocação inicial de prefixos aplicado aos ISP, apresentada por Evandro Antonio Ramos Terra Varonil de Souza. A partir de agora, muda o tamanho da designação mínima de um /22 para um /24, de modo que poderão solicitar operadores que necessitam uma menor quantidade de endereços para prestar serviços. Esta proposta também considera o fato de que a designação de endereços será por única vez, já que a região se encontra na fase final de esgotamento de endereços IPv4. (https://politicas.lacnic.net/politicas/detail/id/LAC-2017-4?language=pt)

A quarta política que obteve apoio majoritário no Fórum de Políticas está relacionada à revogação de recursos, apresentada por Andrés Piazza. Esta iniciativa concede à Diretoria de LACNIC faculdades para estender o período de revogação de endereços perante situações especiais.

A política buscou dotar à comunidade de uma ferramenta adicional que permita garantir a disponibilidade de recursos para infraestruturas estratégicas essenciais, de modo a não correr riscos em casos excepcionais. (https://politicas.lacnic.net/politicas/detail/id/LAC-2017-5?language=pt)

Até o dia 7 de julho serão recebidos comentários sobre estas políticas. Depois passarão a sua ratificação na Diretoria de LACNIC.

Veja a apresentação das quatro propostas aqui:

http://bit.ly/2u350Ix

http://bit.ly/2toW42o

http://bit.ly/2u2MsrL

http://bit.ly/2sli6Un

Suscríbete para recibir mensualmente las últimas novedades en tu mail Click here to subscribe and monthly receive the latest news in your inbox. Inscreva-se aqui para receber mensalmente as últimas novidades no seu e-mail