LACNIC

IPv6

IPv6 e QUIC: a evolução dos protocolos da Internet

30/06/2020

Há quase 40 anos da vigência dos protocolos TCP/IP, a Internet se depara com a necessidade de evoluir para manter os bilhões de dispositivos conectados e somar mais alguns milhões que estão sendo acrescentados a um ritmo vertiginoso, à medida que o homem vai tornando a sua vida mais técnica.

É assim que as versões consideradas “clássicas” dos protocolos da Internet estão limitando a evolução da rede, portanto torna-se necessário ir até os modelos mais modernos, ponderou Carlos Martínez, CTO do LACNIC durante o webinar “Novos desenvolvimentos nos protocolos da Internet: IPv6 e QUIC”.

Durante o seminário web, organizado pelo LACNIC e pelo Instituto IEEE (Instituto de Engenheiros Elétricos e Eletrônicos), Martínez sinalizou que o IPv6 e o QUIC representam a evolução das camadas de rede e transporte da pilha de protocolos da Internet.

Destacou o papel cumprido pelo TCP no crescimento da Internet desde sua criação em 1980, “quando se requer de tantas adaptações, talvez seja melhor pensar em coisas novas”, completou o especialista do LACNIC.

Nesse sentido, salientou que, a nível da camada de rede, o IPv6 permite acessar endereços de 128 bits e um processamento simplificado de cabeçalhos, em comparação com o IPv4.

Ponderou que o IPv6 tem um caminho evolutivo já feito. “32% e 33% de todos os usuários da Internet do mundo o utilizam. É só questão de tempo para que o IPv6 se torne o protocolo dominante no mundo todo”, apontou o gerente de Tecnologias do LACNIC.

Referente ao QUIC, a evolução a nível da camada de transporte da Internet, esclareceu que seu padrão ainda não está totalmente concluído. “A pesar de haver implementações, não é algo que ainda esteja padronizado, porém tem um impulso enorme e certamente se torne a camada de transporte dominante na Internet nos próximos dois ou três anos”, acrescentou Martínez.

QUIC incorpora anos de aprendizado e uma série de otimizações e melhoras na segurança. “O QUIC é como uma festa de oldies: de uma só vez reúne todos os hits de começos do ano 2000. Por primeira vez estão todos juntos”, resumiu o engenheiro do LACNIC.

Assista ao vídeo da exposição e das perguntas aqui.