• Newsletter

  • Boletim informativo de LACNIC para a comunidade da Internet

Casa de Internet

Feed
Cambiar tamaño de fuente:

01/02/2016

A Casa da Internet da LAC cresce

A Casa da Internet da América Latina e o Caribe incorporou recentemente a nona organização ao seu prédio, um espaço físico localizado na orla de Montevidéu, onde convergem as principais organizações da Internet da região.

A Associação da América Latina da Internet (ALAI), de recente formação, soma-se assim à proposta de colaboração que reúne às organizações mais destacadas da América Latina e o Caribe para promover a Internet como uma ferramenta concreta ao serviço da região.

Gonzalo Navarro, diretor executivo da Associação da América Latina da Internet, destacou que a Casa da Internet é “uma coisa única no mundo e representa em grande parte a forma como o ecossistema da Internet tem sido construído historicamente” na América Latina e o Caribe.

Em diálogo com LACNIC News, Navarro afirmou que esta jovem organização veio para trazer a visão de um sector que ainda não tinha representação na Casa.

O que é a ALAI?

Legalmente, a ALAI é uma organização internacional sem fins lucrativos, constituída no Uruguai, que visa pensar e desenvolver a Internet na região através da defesa de nossos valores fundamentais que são: a liberdade, a educação, a inovação, o empreendimento, o crescimento econômico e o empoderamento dos usuários.

Que organizações a integram e quais são os objetivos dessa associação civil?

Hoje, a ALAI está integrada por seus cinco sócios fundadores, Despegar.com, Facebook, Google, Mercado Livre e Yahoo. Também foram incorporando-se outras empresas que desenvolvem seus negócios sobre a Internet na região, como PedidosJá, Restorando e Workana. Nosso objetivo é que cada vez mais membros prestadores de serviços sobre a Internet, sem importar o seu tamanho, se juntem a esta iniciativa, de modo de poder servir e ser a sua voz com base nos princípios que nos inspiram, para representar, promover e defender seus pontos de vista, desenvolvendo posições do setor em várias áreas de esferas públicas e privadas, bem como contribuir com o enriquecimento do ecossistema da Internet, construindo pontes entre os diferentes atores que o compõem e desenvolvendo políticas públicas dentro de nossa competência.

Por que decidiram incorporar-se à Casa da Internet da América Latina e o Caribe? Que importância vocês atribuem à Casa de Internet no contexto da América Latina?
Decidimos incorporar-nos à Casa da Internet em primeiro lugar porque conceitualmente, a existência de um espaço físico que aglutine diferentes atores da região que lidam com trabalhos relacionados com a Internet é uma idéia excelente, que deve ser preservada e promovida. Este lugar é único no mundo e representa em grande parte a forma como o ecossistema da Internet tem sido construído historicamente, isto é, com muito esforço e colaboração, respeitando o lugar que corresponde a cada qual, com o objetivo final de transformar à Internet em uma ferramenta para o desenvolvimento de nossa região.

O que vocês acham que a Casa pode aportar à ALAI?

A ALAI representa um sector que até agora não estava presente na Casa da Internet da LAC, portanto esperamos que nossa contribuição se some ao resto das organizações integrantes a fim de preservar este espaço único de convívio que tantos benefícios trouxe para a América Latina e o Caribe.