• Newsletter

  • Boletim informativo de LACNIC para a comunidade da Internet

Capacitações

Feed
Cambiar tamaño de fuente:

27/06/2019

Um trampolim para o IPv6: mais de quatro horas intensas de capacitação

“É uma nova oportunidade para impulsionar nossa Internet regional para o futuro”. Com estas palavras, Carlos Martínez, Gerente de Tecnologia de LACNIC, abriu o webinar de mais de quatro horas de duração organizado pelo RIR para comemorar o sétimo aniversário do Lançamento Mundial do IPv6 e do Dia do IPv6.

Com a apresentação de estatísticas regionais, novas ferramentas e boas práticas para a implementação do IPv6, o webinar de LACNIC reuniu mais de 250 participantes da América Latina e o Caribe.

Martinez ressaltou que LACNIC fez importantes esforços para apoiar sua comunidade na implementação do IPv6, envolvendo todos os atores, desde provedores de serviços até operadores de redes e operadores de conteúdo.

Esse impulso foi refletido na comunidade e nos associados de LACNIC. Hoje, a implementação do IPv6 atinge aproximadamente um em cada cinco usuários da América Latina e o Caribe, com uma penetração em média de mais de 20% na região. “Nove de cada 10 associados de LACNIC têm IPv6 e 42% já o está anunciando na Internet via BGP”, informou Martínez.

As quatro horas do webinar foram divididas em cinco módulos. Guillermo Cicileo de LACNIC falou sobre  o IPv6 para tomadores de decisões; Inés Robles e Gustavo Mercado dedicaram seu espaço para falar da importância do IPv6 no desenvolvimento da Internet das Coisas ; depois, cinco especialistas de universidades da região abordaram a situação do IPv6 nas redes acadêmicas (UNAM, UADY, UDG, UCR, RITA da Universidade Distrital Francisco José de Caldas); e por último, encerrando a primeira parte, Alejandro Acosta de LACNIC falou da segurança no IPv6.

No último módulo do webinar foram ministradas uma série de breves palestras de especialistas de LACNIC, sobre temas comoInterpretando números IPv6” “Como solicitar um bloco IPv6”, “Delegação de zonas inversas- IPv6”   e “Implementando multiprotocol BGP”.